icon Sábado, 15 de Dezembro de 2018

JUDICIÁRIO - A | + A

PRESO EM JULHO 06.12.2018 | 10h:17

Justiça nega pedido de liberdade impetrado por Dr. Bumbum

Por: G1 Rio

Leo Correa/AP

Leo Correa/AP

A 1ª Vara Criminal do Rio negou o pedido de revogação da prisão preventiva de Denis Cesar Barros Furtado, vulgo ‘Dr. Bumbum’, no último dia 30 de novembro. O médico está preso desde o dia 19 de julho e responde por homicídio doloso - com intenção de matar.

 

Denis foi denunciado pelo Ministério Público do Rio após a morte de Lilian Quezia Calixto, que morreu horas depois da realização de um procedimento estético na casa do médico, na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio. no dia 14 de julho.

 

O médico também tem anotações criminais antigas por homicídio, porte ilegal de arma e ameaça; na Justiça, além de ser réu em mais de dez ações.

 

Além de Denis Furtado, a mãe dele, Maria de Fátima, a namorada Renata Fernandes, e a empregada Rosilane Pereira da Silva também respondem por participar do procedimento. A médica Maria de Fátima, que foi presa junto com o filho, chegou a ter o registro médico cassado em janeiro de 2015 por causa de outras infrações.

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

CONFIRA TAMBÉM NESTA SEÇÃO:





















logo O bom da notícia

Copyright © 2018 - O Bom da Notícia - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet