icon Terça-feira, 11 de Dezembro de 2018

CIDADES - A | + A

ALÍVIO 02.03.2018 | 10h:42

Bebê de 6 meses baleado em UPA recebe alta

Por: Da Redação

O bebê de 6 meses de vida que faz parte do grupo de 5 pessoas vitimadas pelo tiroteio ocorrido no dia 13 de fevereiro, ocasionado pela suposta tentativa de resgate a um detento na Unidade de Pronto Atendimento 24 horas (UPA), do bairro Morada do Ouro, recebeu alta hospitalar na quinta-feira (01).  

 

O menor foi atingido na mão e no tórax, sendo que, o projétil, que ficou alojado próximo à coluna, não afetou órgãos vitais. A exemplo das demais vítimas, ele esteve aos cuidados dos profissionais do Pronto Socorro Municipal de Cuiabá, onde realizou sutura no ferimento da mão, e, após isso, foi encaminhado para a Unidades de Terapia Intensiva (UTI), devido à fragilidade da idade e para tratar de uma pneumonia, motivo pelo qual foi levado à UPA. 

 

No dia 17 de fevereiro, recebeu alta da UTI e, no último final de semana, foi encaminhado ao Hospital Universitário Júlio Müller para a retirada do projétil.   Os demais feridos já receberam alta hospitalar, dentre eles uma jovem de 22 anos (mãe do bebê), atingida por um tiro de raspão no braço, a enfermeira de 51 anos, atingida na perna, na altura da coxa, e o agente prisional, 33 anos, também atingido na coxa.

 

Os 3 também foram prontamente atendidos no PS e não tiveram maiores complicações clínicas.   A paciente de 33 anos, considerada pela equipe médica como o caso mais grave, também foi atingida no tórax. Ela passou por um procedimento cirúrgico para drenagens e também ficou mantida na UTI para acompanhamento. Alguns dias após receber alta da UTI, foi encaminhada para o Hospital Santa Helena, onde segue com sua recuperação.  

 

Para a secretária de Saúde, Elizeth Araújo, a notícia é recebida com alegria por toda Cuiabá, especialmente pelo prefeito Emanuel Pinheiro, por ela e pela equipe médica do Pronto Socorro. “Desde os primeiros momentos não poupamos esforços para ofertar a melhor assistência em saúde às vítimas desse incidente terrível. Graças a Deus todos já estão bem e seguem se recuperando sem riscos à vida. Para nós é motivo de muita alegria saber que este pequeno volta para seu lar e segue com vigor para viver o melhor que Deus reservou para sua vida. Todos nós, em especial a equipe médica e o prefeito Emanuel Pinheiro recebemos com muita alegria essa notícia abençoada”, comemorou a gestora.  

 

Medidas preventivas  

 

Após o incidente, a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) que já estava em conversação com representantes da Secretaria de Estado de Justiça e Direitos Humanos (SEJUDH) para impedir que incidentes como estes acontecessem, reuniu-se durante a sexta-feira (16) com o secretário adjunto Emanuel Flores, demais membros da SEJUDH entre eles superintendentes e diretores das penitenciárias de Cuiabá para deliberarem ações emergenciais que visem à segurança dos profissionais da Saúde e da população, no momento em que os detentos também são direcionados para as unidades de saúde.  

 

Dentre as principais medidas, a secretária Elizeth anunciou que a UPA Morada do Ouro não receberá mais pacientes privados de liberdade. Outra decisão é que os reeducandos serão designados para unidades específicas com menos fluxo de população onde o Sistema Penitenciário garantirá a segurança necessária. Além disso, a parceria entre os órgãos estuda viabilizar em curto prazo uma unidade referência e nesta, adaptar uma sala separada dos demais pacientes onde serão concentradas a permanecia e o atendimento do detento desde a classificação a medicação. (Com informações Prefeitura de Cuiabá)

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS

CONFIRA TAMBÉM NESTA SEÇÃO:





















logo O bom da notícia

Copyright © 2018 - O Bom da Notícia - Todos os direitos reservados Logo Trinix Internet